PGE/SE visita a futura sede administrativa da Secretaria de Estado de Saúde

hgf

Na manhã desta quinta-feira, 11, a procuradora-geral do estado, Maria Aparecida Gama, acompanhada do subprocurador-geral do Estado, Guilherme Augusto Marco Almeida, do procurador-chefe da Coordenadoria do Contencioso Cível, Assuntos Fundiários e Patrimônio Público, Marcelo Aguiar Pereira e dos advogados Max Carvalho e Ana Paula Santana, fizeram uma visita para conhecer as instalações da nova sede administrativa da Secretaria de Estado da Saúde, situada na avenida Augusto Franco, em Aracaju.

A visita que teve como guia o secretário de estado da Saúde, Almeida Lima, que, na oportunidade, buscou mostrar todo o prédio que foi projetado para dar celeridade e comodidade ao trabalho dos servidores sergipanos, quanto ao atendimento de solicitações de Aracaju e os demais 74 municípios.

Durante a visita, a Procuradora-Geral observou tudo atentamente e conheceu todos os cômodos e setores do novo centro administrativo. Sobre as acomodações do prédio, a Procuradora citou ser uma revolução, o que está sendo feito para auxiliar na Saúde do Estado de Sergipe: “Devido as polêmicas que foram criadas em torno da Saúde do Estado, essa visita teve primordial importância, porque vimos de perto como vai funcionar esse novo prédio, além da economia feita pelo Estado, utilizando esse prédio para obra”, explicou.

Dra. Aparecida declarou ainda estar surpresa com a dimensão da estrutura do prédio que já existia e foi melhorada. “Com essa iniciativa só posso elogiar o secretário Almeida Lima, que teve a coragem de enfrentar toda uma oposição inicial, que hoje não se concretiza, pois o que vemos aqui é uma realização muito exitosa e benéfica para o Estado, ressaltou.

Serviços

Entre as 14 unidades que irão para o novo Centro Administrativo, estão a diretoria de Vigilância Sanitária, o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), almoxarifados da Rede Estadual de Saúde e todo o aparelhamento para armazenamento, controle e distribuição de vacinas, além da Ceadi (Central Estadual de Armazenamento e Distribuição de Imunológicos), que passará a receber o Ambulatório de Retorno do Huse, e do Centro de Atenção Integral a Saúde da Mulher (Caism). O Palácio Serigy será desocupado e no local funcionará parte da Central de Regulação e também o Centro de Especialidades Médicas. Já o Setor de Pediatria sairá do Huse para o local onde hoje funciona o Almoxarifado Central, na Rua Porto da Folha, entre Laranjeiras e São Cristóvão.