23/12/2014, 16:45

Governo selecionará mais de 60 oficinas culturais


O Governo de Sergipe, através das Secretarias de Estado da Cultura (Secult) e da Inclusão, Assistência e Desenvolvimento Social (Seides), lançou no último dia 22 de dezembro a segunda edição do Edital de Apoio a Oficinas Culturais. O projeto é uma iniciativa que integra o plano “Sergipe Mais Justo” e beneficia diretamente agentes culturais e população em situação de vulnerabilidade social.

A primeira edição foi realizada com grande êxito entre 2013 e início de 2014, com 30 oficinas das mais variadas linguagens culturais levando arte, aprendizado e cidadania a comunidades da Grande Aracaju. A novidade da segunda edição é a ampliação do projeto: serão financiados mais de 60 projetos nos oito territórios do Estado.

A maior dimensão desse segundo edital foi um compromisso firmado com a classe artística em janeiro, durante encerramento dos trabalhos contemplados na primeira edição do projeto, por Eloísa Galdino, secretária da Cultura, e Eliane Aquino, então titular da Seides.

“Conseguimos tornar realidade o desejo dos agentes culturais contemplados na primeira versão do projeto, que também era o nosso. Estamos muito felizes por estender essa iniciativa a todo o interior do Estado”, diz Eloísa Galdino. “O Edital de Apoio a Oficinas Culturais é uma importante ferramenta do ‘Sergipe Mais Justo’. Por ser mais abrangente, a segunda edição fortalecerá nossa luta para erradicação da extrema pobreza em Sergipe”, fala Maria Luci, atual secretária do Desenvolvimento Social.

Sobre o edital

O Edital de Apoio a Oficinas Culturais terá um investimento de R$ 945 mil, fruto do Plano ‘Sergipe Mais Justo’. O público-alvo do projeto é, prioritariamente, pessoas que vivem em situação de extrema pobreza, com renda per capita familiar de até R$ 70, e acontecerá em comunidades dos oito territórios de Sergipe.

Ao todo, serão selecionados 63 projetos – sete para a Grande Aracaju e oito para cada uma das outras sete regiões do Estado. Cada instituição ou pessoa física será contemplada com um valor de R$ 15 mil para viabilizar oficinas nas áreas de Artes Visuais, Artes Cênicas, Música, Literatura, Audiovisual, Artes Integradas e Cultura Popular.

Os projetos serão financiados com recursos do Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza (Funcep) e deverão contemplar jovens de 16 a 29 anos, residentes nas comunidades ou municípios que estão inseridos no programa, e inscritos no Cadastro Único (CadÚnico) do Governo Federal.

O edital está disponível para consulta no site www.cultura.se.gov.br/editais.

Sergipe Mais Justo 

O plano Sergipe Mais Justo é uma ação alinhada à estratégia federal traçada no plano Brasil Sem Miséria. A iniciativa visa fortalecer as políticas públicas de inclusão produtiva e geração de renda para beneficiar, prioritariamente, a população sergipana que vive em situação de extrema pobreza, afastando a miséria e levando a igualdade a todos os lares de Sergipe. A ação possui ações nas áreas de saúde, educação, habitação, agricultura, acesso à água, meio ambiente, inclusão social, trabalho, cultura, esporte e lazer, turismo e desenvolvimento econômico para levar justiça social a todos os cantos do Estado.

As inscrições para o Edital de Apoio a Oficinas Culturais estarão abertas no período de 22 de dezembro de 2014 a 6 de fevereiro de 2015.

 

Fonte: Secult