Dez novos candidatos aprovados  no Processo Seletivo para estagiários na formação de cadastro reserva foram convocados pela Procuradoria-Geral do Estado de Sergipe (PGE/SE).

Os estudantes deverão entregar a documentação citada abaixo por meio digital, através dos emails marilia.donald@pge.se.gov.br e/ou barbarakarol.amaral@pge.se.gov.br, no período de 22/02/2022 a 03/03/2022 .

Declaração pessoal, conforme Anexo II do Edital n° 001/2021;

Documento atualizado (datado de, no máximo, 30 dias), comprobatório de regularidade escolar, emitido pela instituição de ensino, com a indicação do período cursado pelo candidato aprovado;

Cópia do Registro Geral – RG;

Cópia do Cadastro de Pessoa Física – CPF;

2 (duas) fotos recentes, tamanho 3×4;

Histórico escolar atualizado emitido pela Instituição de Ensino.

Candidatos portadores de deficiência, aprovados na seleção, deverão fazer perícia médica, apresentando laudo médico com justificativa acompanhada de parecer emitido por especialista da área de sua deficiência.

Os estudantes convocados são:

MARINA LACERDA LÁZARO

ROSALIA DOS SANTOS SILVA

LHAYSLA MANUELLE MATOS OLIVEIRA


BEATRIZ CUNHA BRITO

 LEONARDO DE CASTRO NERI

 HUMBERTO EDUARDO REBOLHO CAMACHO BAUR

PEDRO LUCAS CAETANO CARDOSO

NATHALIA DO ESPIRITO SANTO XAVIER

 LUIZA MARIA TELES DOS SANTOS

SABRINA RODRIGUES DOS SANTOS

AUGUSTO DE MENEZES VIANA NETO

 CHRYSANGELA LIMA ARAUJO

 IURY COSTA DE JESUS

 STEFANY SANTOS VIEIRA

MARCELO LIMA SANTOS

 LAYLA MILLENA CARVALHO BARROS

NÁYRA NATASHY DANTAS MARINHO

NICOLLY MARIA ALVES SANTANA

ALANA MARIA PASSOS BARRETO

 ALESSANDRA SILVA DE CARVALHO

 

CONFIRA EDITAL DE CONVOCAÇÃO nº 11.2022

O Estado de Sergipe, por meio da Procuradoria-Geral do Estado, obteve decisão favorável no Supremo Tribunal Federal (STF) para suspender a decisão do Tribunal de Justiça de Sergipe (TJ/SE) que autorizou o funcionamento de uma barbearia em Itabaiana/SE.

 

A PGE destacou o potencial efeito multiplicador dessa decisão, o que causaria grave lesão à ordem, à economia e à saúde públicas. Os Procuradores do Estado que assinaram a medida defenderam que as atividades desempenhadas por profissionais como barbeiro não podem ser classificadas como serviços essenciais e que não deve o Poder Judiciário inserir-se na esfera de atuação do Poder Executivo, para contornar os termos de decreto regularmente editado.

 

Por fim, a PGE lembrou a importância de se obedecer a determinação de isolamento social, fazendo o registro de que o contágio pelo Covid-19 está diretamente relacionado à circulação de pessoas, em todos os níveis, e que no Estado de Sergipe, isso não é diferente.

 

A Procuradoria-Geral do Estado de Sergipe, através do Conselho Superior da Advocacia Pública do Estado de Sergipe promoveu, na manhã desta quinta-feira, 06, a Sessão Solene de entrega da Ordem do Mérito da Advocacia Pública à diversas autoridades do Estado de Sergipe, no Palácio Olímpio Campos.

Na mesa de abertura estavam presentes, a presidente do Conselho, a procuradora-geral do Estado, Maria Aparecida Santos Gama da Silva, o governador do Estado, Belivaldo Chagas da Silva, o representante do Tribunal de Justiça do Estado de Sergipe, desembargador Osório de Araújo Ramos Filho, o presidente da Assembleia Legislativa do Estado de Sergipe, deputado Luciano Bispo de Lima, o procurador-geral de Justiça do Ministério Público de Sergipe, Eduardo Barreto D’Ávila Fontes, o presidente do Tribunal de Contas de Sergipe, Ulices de Andrade Filho; o sub-defensor público geral do Estado, Vinícius Menezes Barreto, o presidente da Câmara de Vereadores de Aracaju, Josenito Vitale de Jesus e o diretor da Escola Superior de Advocacia, representando a OAB, Kleidson Nascimento do Santos.

A solenidade foi aberta pela procuradora-geral do Estado, Maria Aparecida Santos Gama da Silva que em discurso, relembrou a professora Tetis Nunes, educadora de gerações sergipanas. Ela, por sua vez, definiu o humanismo como uma disposição intelectual, para explicar sobre a escolha do homenageados no evento. “Justiça, Tolerância e Serenidade foram, sobretudo, as qualidades que nortearam a nossa escolha dos ora homenageados, nessa manhã de dezembro tão significativa”, pontuou.

Dra. Aparecida ainda destacou que o fortalecimento de Sergipe depende também do resgate da dignidade de seus cidadãos pela segurança, educação, saúde, emprego e renda, além de pontuar sobre a união dos poderes para que isso aconteça. “A hora é de união e compartilhamento, de dar-se as mãos. Tenho absoluta certeza de que o Executivo, o Legislativo, o Judiciário, as Instituições e Sociedade Civil, bem como a Procuradoria do Estado serão peças atuantes nesse processo e na construção desse Porvir”, falou.

O governador do estado, Belivaldo Chagas da Silva disse estar grato e muito honrado em receber tão importante homenagem. “Receber essa honraria partindo da Procuradoria-Geral do Estado é motivo de muita felicidade, mas devo dizer que divido essa homenagem com toda a Instituição, afinal de contas é a PGE que dá a tranquilidade para que o gestor possa produzir atos com a certeza de que nossas ações estão sendo executadas dentro da legalidade”, ressaltou.

Ele também enalteceu o trabalho do Procuradora-Geral: “Dra. Aparecida faz um prestimoso trabalho à frente da Procuradoria. É louvável como as ações se desenvolvem na PGE e como sua relação com o Conselho é homogênea, assim o trabalho segue da melhor forma e é isso que faz o Estado andar dentro das linha preestabelecida pela lei”, afirmou.

A juíza da 18ª Vara da Fazenda Pública, Christina Machado de Sales e Silva falou sobre a homenagem recebida: “Sinto-me muito feliz e grata, o trabalho do judiciário é feito em prol da sociedade e essa homenagem é resultado do empenho de nossa labuta diária”, afirmou.

DSC_0318Para o representante da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Sergipe, o procurador do Estado, Kleidson Nascimento ds Santos, que também é diretor da Escola Superior de Advocacia de Sergipe, esse foi um momento de compartilhar de uma justa homenagem e as personalidades que tanto contribuem para a advocacia pública em Sergipe. “A advocacia é indissociável seja pública ou privada e nós temos a missão de fazer justiça no estado democrático de Direito, e hoje nessa solenidade todos em sua missão contribuiram para o engradecimento da advocacia pública e a OAB faz coro a essa homenagem”, afirmou.

Um dos homenageados, o presidente do TCE/SE, o conselheiro do Ulices Andrade, falou que o sentimento é de honra e gratidão. “Eu sou presidente de uma instituição que tem um entrelaçamento muito forte com outras instituições estaduais, a exemplo do Ministério Público, do Tribunal de Justiça e da Procuradoria Geral de Justiça. A nossa convivência sempre foi muito próxima, respeitosa e muito importante para o funcionamento da máquina pública. O que eu faço é a minha obrigação e ver nosso trabalho, essa nossa ação sendo reconhecida é motivo de grande honra e eu fico bastante feliz”, declarou.

“Eu só posso falar a palavra gratidão aos advogados públicos do Estado, à Procuradoria Geral do Estado, por esse reconhecimento, que recebo como homenagem ao Ministério Público de Sergipe. De modo que, sinto-me muito grato, satisfeito, honrado por receber essa homenagem. Que o Ministério Público possa sempre continuar parceiro da Procuradoria-Geral do Estado e dos advogados de todo o Estado”, colocou o promotor do Ministério Público de Sergipe, José Rony Silva Almeida.

Ainda na solenidade a procuradora Conceição Maria Gomes Ehl Barbosa, em nome de toda equipe de procuradores que integram a PGE, fez um discurso em homenagem a Dra. Aparecida, agradecendo o empenho em dar maiores condições de trabalho da advocacia pública em Sergipe. “Muito emocionada represento todos os meus colegas de Procuradoria, para prestar minha homenagem especial a Dra.Aparecida, que chegou em uma casa desconhecida, já que tinha deixado o Tribunal de Justiça e nos acolheu como uma família. Nossas conquistas temos que dividir com a Senhora, grata por essa tão feliz estadia conosco, a Senhora fará falta”, falou.

DSC_0590HOMENAGEADOS

Foram homenageados, ordenados no Grau Comendador: o governador do Estado, Belivaldo Chagas da Silva; o ex-governador de Sergipe, Albano do Prado Pimentel Franco; Vladimir Souza de Carvalho, Desembargador Federal, representado por seu filho Vladimir Gonçalves de Carvalho; José Rony Silva Almeida, promotor de justiça; o Presidente do Tribunal de Contas de Sergipe, Ulices Andrade Filho; o presidente do Tribunal de Justiça de Sergipe, Cezário Siqueira Neto, representado por seu filho, André de Azevedo Siqueira; o presidente da Assembleia Legislativa de Sergipe, Luciano Bispo de Lima.

Além desses, foram homenageados ordenados no Grau Oficial: a Juíza da 18ª Vara da Fazenda Pública Dra. Cristina Machado de Sales e Silva e o Secretário da Fazenda, Ademário Alves de Jesus.

SOBRE A COMENDA

A Comenda da Ordem do Mérito da Advocacia Pública foi criada em 2014 e é conferida pelo Conselho Superior da Advocacia Geral do Estado com o objetivo de identificar personalidades e atores que em alguma medida ou perspectiva no exercício do seu labor contribuíram para o engrandecimento da advocacia pública do Estado.

Fotos: ASCOM PGE e ASN